Servidores municipais brasileiros podem participar de intercâmbio no Japão

     Servidores municipais que desejam fazer intercâmbio no Japão devem se cadastrar até dia 29 de janeiro. Por meio do Programa de Treinamento de Oficiais de Governos Locais no Japão 2010, um professor e um psicólogo da rede municipal serão selecionados para fazer a capacitação. O projeto prevê que todas as despesas da viagem – transporte, moradia e alimentação – serão pagas pela entidade receptora e os candidatos poderão permanecer no Japão de seis a doze meses, a partir de maio.


    O critério de seleção será: saber inglês fluente e ter conhecimentos na língua japonesa, pois o treinamento será ministrado em japonês. Gunma Os trabalhos do psicólogo serão na prefeitura de Gunma, na Divisão de Assuntos Internacionais do Departamento de Vida e Cultura, o profissional pode ser de qualquer Município do estado de São Paulo e o intercâmbio será de 10 meses.


    No cronograma, o profissional aprenderá sobre a assistência psicológica oferecida à população brasileira que vive no Japão e vai levantar informações sobre o estado de trabalho dessas pessoas, com foco para os problemas enfrentados. A justificativa é que, recentemente, vários brasileiros que foram ao Japão, perderam o emprego e necessitam ser reintegrados à sociedade. Toyohashi Já o professor será enviado para o Município japonês de Toyohashi.


    O candidato tem que ser da rede de ensino de Paranavaí (PR), Maringá (PR), ou Londrina (PR) e o intercâmbio também é de seis meses. O candidato aprenderá sobre o sistema educacional japonês, com o objetivo de suprir a demanda por brasileiros que compreendam o sistema educacional japonês e que possam passar esse conhecimento para famílias nipo-brasileiras que planejam residir no Japão. As pessoas interessadas devem saber falar inglês e ter conhecimentos de japonês.


    A Confederação Nacional de Municípios (CNM) incentiva os gestores municipais a participarem deste tipo de projeto. A entidade reconhece que é uma oportunidade única para enriquecimento pessoal, profissional e cultural, na medida em que a experiência possibilitará ao trainee conhecer profundamente outro País, seu sistema educacional ou assistência psicológica. A CNM receberá as inscrições até o dia 29 de janeiro, quando será iniciada a seleção dos currículos. Os interessados podem tirar suas dúvidas no telefone (61) 21016013 ou pelo e-mail cnminternacional@cnm.org.br.


    Source: Fetamce