Cuidados nas compras pela Web

    Para os responsáveis que pretendem economizar o máximo possível, a Internet é solução não só para comprar livros mais baratos como também como fonte de pesquisas nos sites das livrarias.  No entanto, o secretário do Procon de Fortaleza, João Ricardo Vieira, faz ressalvas importantes. Para ele o ideal é investigar a procedência da loja virtual, inclusive em órgãos de defesa do consumidor, como os próprios Procons.


    “É necessário observar os senões que são feitos àqueles vendedores, como ver se a empresa tem respeitabilidade“, orientou.


    Jamais utilizar computadores acessados por muita gente (como os de lan houses) e usar o cartão de crédito somente quando estiver seguro da compra são outras dicas fundamentais. Na dúvida, é melhor utilizar o boleto bancário.


    É necessário ainda conhecer bem o livro que está sendo adquirido, especialmente na compra de usados. No caso de arrependimento, os pais têm até sete dias para devolver o pedido e receber o dinheiro de volta. “O produto tem a possibilidade de vir com defeito. Se isso acontecer, a loja virtual deve ser comunicada para que façam a substituição“.


    Para evitar qualquer tipo de problema, ainda existem aqueles que passam longe da Web. A costureira Francisca Rodrigues, mãe de um menino de seis anos, batia perna no Centro em busca das melhores ofertas. “Não uso a Internet. Não tenho costume“, resumiu.


    Source: Fetamce